Midia Social não faz milagres

Social Media não é capaz de:

1. Substituir uma estratégia de marketing

Uma campanha promocional no Twitter e uma página no Facebook estão longe de ser uma estratégia de marketing.

2. Ser bem sucedida sem a adesão da alta gerência

Qualquer iniciativa em Social Media requer, inexoravelmente, vontade de ouvir o cliente. Além disso, deve-se entender que, com base no feedback recebido, mudanças devem ser feitas.

Entretanto, muitas empresas ainda funcionam sob a cultura do medo: medo de perder o emprego, de perder o controle das mensagens e, principalmente, MEDO DE MUDAR. A alta gerência deve comprar a idéia de investir em Mídia Social, ou então tudo pode vir abaixo.  Os executivos mais importantes da sua empresa devem ter CORAGEM DE MUDAR.

3. Ser vista como um projeto em curto prazo

Um projeto de Social Media não é algo tão simples, feito em uma única tacada. Trata-se de um compromisso de longo prazo para a abertura, experimentação e mudança que requer tempo para colher frutos.

4. Produzir resultados relevantes e mensuráveis de forma imediata

Uma das reclamações sobre Social Media é a dificuldade em mensurar resultados. Gostaria de salientar que é possível mensurar sim, mas não da forma convencional à qual estamos acostumados. As métricas de Social Media são basicamente aquelas relacionadas a engagement, popularidade e influência.

Os resultados não podem ser produzidos em curto prazo. Assim como assessoria de imprensa, os resultados em Mídia Social vêm, em média, depois de dois ou três anos. Mas tudo é bastante relativo: quando falamos de internet, não há regras.

5. Ser feito em casa pela maioria das companhias

Uma campanha de Social Media bem sucedida integra-se à maioria dos braços do marketing, incluindo Publicidade e Relações Públicas. Opiniões e teorias são bacanas, mas não podem competir com os experts da área. Hoje os melhores profissionais de mídia social têm quase 10 anos de carreira e sabem muito sobre interatividade, blogs, UGC (user generated content) etc. Geralmente, grandes empresas estruturam departamentos específicos para tratar de Mídias Digitais e Sociais. Confie em profissionais; tentar fazer por conta própria, reinventar a roda e utilizar as ferramentas erradas pode trazer decepções e aí não adianta colocar a culpa na provável “ineficiência” da campanha de Social Media.

6. Aumentar os lucros da empresa e resolver problemas de reputação manchada

Iniciativas em Social Media podem, eventualmente, entregar resultados de forma relativamente rápida para empresas que JÁ SÃO ESTRELAS.  Entretanto, muitas companhias acreditam que postar em um blog pode trazer rios de dinheiros ou reconstruir uma reputação destruída. Sinto avisar, mas se você pensa assim… Sua empresa subiu no telhado.

7. Ser bem sucedida sem um budget adequado

Construir um site que incorpore conceitos de interatividade, permita geração de conteúdo por parte do usuário e faça e-commerce não pode ser tarefa para alguém que cobre barato e afirme saber o que está fazendo. Isso não somente leva tempo, mas exige capacidade, experiência e conhecimento. Não há espaço para barganhas exageradas.

8. Garantir vendas e/ou influência

Eu gosto muito de repetir que, quando estamos falando de Social Media, a conversão não está relacionada diretamente a dinheiro. O objetivo principal das iniciativas de Social Media é estabelecer mais pontos de contato entre cliente e marca, ou seja: RELACIONAMENTO.

Uma campanha de Social Media bem feita e amarrada ao restante das iniciativas de marketing ONLINE e OFFLINE contribuirá naturalmente para o crescimento do volume de vendas, mas lembre-se que trata-se de um grande e longo processo.

Outra coisa importante é ter os pés no chão e entender que seu blog, canal de vídeos etc. não terá recorde de visualizações logo no lançamento.

9. Ser feita por “crianças” que “nasceram sabendo”

Mais uma vez tocamos no ponto da experiência profissional. Você até pode pedir para prodígios realizarem seus trabalhos em mídias sociais, mas… Você quer realmente correr o risco? Com que argumento você poderá cobrar um trabalho bem feito? Investir em consultores que não tem experiência pode ser perda de tempo e dinheiro. Existem profissionais que estudaram muito para isso, erraram e aprenderam. Valorize-os, contrate-os e os pague. Não pega bem mandar email pedindo consultoria de graça.

10. Substituir atividades em relações públicas.

Não importa o qual maravilhosa seja sua estratégia de twitter, concurso de vídeos, blogs, etc. Você ainda precisa de publicidade.

 

Fonte: http://adage.com/digitalnext/article?article_id=140128

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s