Um critério para saber se o meu projeto vale a pena

Meu projeto vale a pena?

Por MarcoGomes em 2009-Mar-04. 

Generalizando ainda mais, você pode se perguntar: – Devo continuar tentando resolver este problema desta maneira?

É muito comum que desenvolvedores passem batido por esta questão. O piores programadores acham que a primeira abordagem que encontram é a única maneira de resolver um problema.

Se você já se fez alguma das perguntas acima, ótimo. Não sei se há resposta definitiva, mas vou mostrar como eu me respondo.

Estabeleça um prazo e trabalhe com toda a sua energia até lá, depois faça uma estimativa da distância que se encontra do objetivo final, e se vale a pena continuar trabalhando no projeto.

Prazo claro e inadiável

Durante o desenvolvimento dos meus projetos de uma madrugada (insoniaware), eu seto uma meta: às 8 am vou parar de trabalhar neste projeto. Não importa o que estará pronto, eu vou parar. Se houver algo funcional, vai pro ar, se não é útil ainda, vai ter seu desenvolvimento interrompido por algumas horas pra que eu reflita um pouco.

Você pode estabelecer um limite de um mês para tocar profissionalmente um projeto pessoal, ou uma semana trabalhando diariamente com o futuro sócio. O prazo não precisa ser 8 am e a madrugada não é o único período produtivo do dia🙂

Não empurre com a barriga

A maior importância desse prazo é estabelecer um momento exclusivo de reflexão; ele vai evitar que você vá “empurrando com a barriga”.

Empurrar com a barriga, porque já estava assim, fui fazendo e quando vi já estava todo enrolado são situações que sempre me deixaram frustrado. O item PPOG (Princípios da Programação Orientada a Gambiarras), da Desciclopédia define essa situação como “Faca nos dentes – O famoso vai fazendo aí!”.

Definir um prazo inadiável foi a maneira que encontrei pra não deixar meus projetos saírem do controle.

Getting Real

Projetos como o Wallpapr, Busica, Wallpapr for iPhone e Webriga (que fiz com o @mauricio) eram funcionais já nessa primeira parada obrigatória e foram pro ar, com bugs, mas foram.

O protótipo da boo-box, ImageDolly e AdBird não estavam funcionais neste primeiro checkpoint. O trabalho neles foi interrompido pela manhã (lembro como se fosse hoje) e era o momento de fazer uma reflexão se o projeto realmente valia a pena, e se aquela era a melhor maneira de resolver o problema.

Como você pode imaginar, tenho alguns outros projetos que nunca foram continuados. Achei que não valiam a pena ou que existiriam outras maneiras de abordar o problema.

 

2 respostas em “Um critério para saber se o meu projeto vale a pena

    • Com certeza… Uma vez que faz parte do mundo de informações pertinentes… Achei que tinha colocado a fonte, mas não… Agora coloquei seu nome na fonte e atualizei.,.. Permita-me que assim que tiver algum assunto interessante no seu blog, possa acrescentar no blog da minha empresa. Grato.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s